É só mais um bocadinho!

quinta-feira, outubro 13, 2011

Apelo



Como alguns já sabem, participo (como madrinha) num projecto de apadrinhamento directo de crianças, em Moçambique, levado a cabo por um português - Vítor Barata. O trabalho que ele tem feito é notável. Já foi mostrado no programa "Príncipes do Nada" na RTP, conduzido pela Catarina Furtado.

Neste momento, O Vítor pede-me que divulgue um apelo: encontrar pelo menos uma madrinha para uma criança...

Segundo as suas palavras: “... Desde que Portugal começou a ficar mais afectado pela crise tenho sentido mais dificuldade em continuar a apoiar semanalmente as crianças beneficiárias deste projecto.

Isso deve-se a vários factores, entre os quais:

1º - A grande desvalorização do euro (-30% em menos de um ano) o que corresponde o mesmo donativo em euros a menos meticais;

2º - Por dificuldades financeiras pessoais algumas madrinhas/padrinhos começaram a diminuir os valores enviados, espaçá-los mais no tempo, saltar meses, deixar de enviar simplesmente, etc.

Nesse sentido, se tiver possibilidade, poderia ajudar ao divulgar o meu trabalho, tentando encontrar pelo menos uma madrinha para uma criança, (das 102 inscritas, existem 13 que não têm apoio).

Assim, peço o favor de recomendar aos seus conhecidos as informações seguintes na esperança de eles se solidarizarem:

Este projecto baseia-se no apoio a crianças órfãs, e iniciativas comunitárias (construção e reabilitação de escolas, latrinas, água potável, etc.), em Moçambique, no interior rural norte, a 1800 km da capital.

Conheça melhor o projecto através de fotos aqui:

http://apadrinhamento.posterous.com/

e aqui:

http://apadrinhamento.webs.com/projectos.html

Como coordenador deste projecto, pode ver a minha informação básica aqui:

http://www.facebook.com/vitor.barata?sk=info

http://www.linkedin.com/in/vitorbarata

Uma entrevista pela Catarina Furtado em "Príncipes do Nada":

http://mumemo.no.sapo.pt/reportagem.html

http://www.youtube.com/watch?v=abtOtR4NIRc

Finalmente uma forma de envolver, colaborar e de se solidarizar com uma criança órfã é apadrinhando-a. Agradeço que me indique qual a criança que deseja apoiar, através deste apadrinhamento. Veja aqui:

http://goo.gl/aA7kx “

Por favor, se puderem, ajudem. Fui madrinha da Daulisa e agora sou madrinha da sua irmã Joaquina. Sei que este apadrinhamento pode fazer a diferença na sobrevivência destas crianças, na manutenção dos seus estudos e na sua vida futura. Eu sei que estamos em crise... Mas a crise destas crianças é maior...

Obrigada

3 Comments:

Nela, posso colocar este apelo no Facebook, através da divulgação do endereço do teu blogue? Eu, assim à vista desarmada, não estou a ver ninguém, mas gostava muito que aparecesse alguém.

Muitos beijinhos
e continua com os teus projetos,
sempre muito úteis.

21/10/11 13:29  

Claro que podes, Guida. Só te agradeço! E, por mais incrível que pareça, já se amadrinharam 2 crianças e há uma terceira a caminho!
Fiquei super feliz!

Beijocas

21/10/11 13:31  

Que bom! Também fico feliz.
Vou então tratar daquilo que eu consigo fazer.

Beijo grande

22/10/11 00:17  

Enviar um comentário

<< Home