É só mais um bocadinho!

segunda-feira, abril 11, 2011

Made in Portugal

Uma das melhores maneiras de dinamizar a economia portuguesa é comprar produtos portugueses, ou seja, produtos fabricados em Portugal ou, como comunmente os designamos, "Made in Portugal".

Como são, à partida, elaborados por mão-de-obra nacional com matéria-prima nacional, a riqueza que gera a sua venda (incluindo impostos e Segurança Social dos trabalhadores) permanece, à partida, toda em Portugal.

Tal como Portugal tem o indicativo "+351" nas redes de telecomunicações ou a terminação ".pt" na internet, permitindo a todos os operadores e utilizadores identificar os números de telefone e sites relativos ao nosso país, também os produtos portugueses têm códigos indicativos da sua origem, que nos facilitam a sua (nem sempre simples) identificação.

A maneira mais visível é a presença de um autocolante referente à iniciativa "Compro o que é nosso" da AEP (Associação Empresarial de Portugal).

A AEP começou também uma campanha denominada "Portugal, a minha primeira escolha", com o objectivo de "combater a crise económica e as suas consequências no tecido empresarial português".
Quando este símbolo não é visível, procurem a etiqueta que contém a designação do produto e do fabricante, onde deve existir a indicação de "Fabricado em Portugal" ou "Made in Portugal".

Contudo, a maneira mais fácil de saber o local de fabrico é através do Código de Barras, um conjunto de riscas pretas verticais que se refere a um código numérico único para cada produto, o equivalente ao antigo Bilhete de Identidade, agora Cartão de Cidadão Português.

Neste código, o código de país é composto pelos 3 primeiros algarismos, sendo o "indicativo" de Portugal o "560".


No caso dos livros, o código de barras poderá existir, mas refere-se ao ISBN (International Standard Book Number). Neste último, um conjunto de algarismos separados por traços, o código de país é novamente composto pelos primeiros algarismos, sendo, desta feita, o código de Portugal o "972".

O código de barras de um livro inclui o ISBN, sendo este, desde 01/01/2007, precedido pelo código 978, constituindo o ISBN-13.



Comprem local... Comprem nacional... Reinvistam em Portugal!!!

3 Comments:

Tenho sempre esse cuidado.
Is@

11/4/11 09:48  

Tento sempre comprar português, mas nem sempre é facil.

Se cada um fizer a sua parte, podemos ajudar a nossa economia.

Bjs.

11/4/11 11:48  

Como diz a Gigi nem sempre é fácil.

Bjs

11/4/11 13:32  

Enviar um comentário

<< Home