É só mais um bocadinho!

terça-feira, novembro 10, 2009

Dieta equilibrada, boa nutrição e exercício físico podem reduzir o risco de cancro

O Público apresentou um estudo científico divulgado pelo Fundo Mundial para a Investigação do Cancro (WCRF) que confirma e analisa detalhadamente o peso de um estilo de vida saudável na redução do risco de cancro.
As nossas escolhas e os nossos hábitos de vida, influenciam a nossa saúde, e este estudo confirma que a dieta equilibrada, a boa nutrição e exercício físico podem reduzir o risco de cancro.

O estudo diz que um terço dos doze cancros mais comuns nos países ricos e um quarto dos casos nos países pobres ou em vias de desenvolvimento podia ser evitado com uma dieta equilibrada, boa nutrição e exercício físico.

No caso do cancro da mama e do intestino, por exemplo, o risco cai 40 por cento. Os valores podem ir desde os 75 por cento a seis por cento. Esta é a margem de impacto que as nossas escolhas e o ambiente em que vivemos podem ter no risco de cancro.

Exemplos práticos:

•Aumentar a quantidade de vegetais e fruta ingeridos pode traduzir-se numa queda de 67 por cento dos casos anuais de cancro da boca, faringe e laringe.

•No cancro do esófago estas opções associadas a um consumo reduzido de álcool pode significar menos 75 por cento dos casos nos Reino Unido.

As consequências variam de país para país tendo em conta a análise dos respectivos consumos registados em vários indicadores. O relatório, intitulado Políticas e Acção para a Prevenção do Cancro, inclui uma referência específica a Portugal: o excesso de sal, que tem sido associado ao cancro de estômago.

O documento contradiz a percepção fatídica que pode ser dada ao cancro [as estimativas referem que apenas cerca de 20 por cento dos casos são hereditários] e mostra que há uma parte substancial das neoplasias que pode ser eliminada. Depende “apenas” de nós ou, segundo o relatório, das medidas que podem ser adoptadas por nove grupos de actores da sociedade.

Desde o pai ou a mãe que escolhe o que comprar no supermercado para levar para casa até ao governo que poderá impor uma politicas severa de rotulagem dos produtos, entre muitas outras medidas, passando pela oferta de alimentos que existe numa escola ou no local de trabalho.

Os especialistas fizeram questão de apresentar uma lista de medidas a adoptar sem qualquer hierarquia.

Fala-se mais uma vez em:

•evitar o açúcar
•limitar o consumo de carnes vermelhas
•beber pouco álcool
•comer cinco porções de fruta e vegetais por dia
•fazer 30 minutos de exercício físico por dia.

“Já sabíamos que os hábitos de vida, incluindo o tabaco, eram responsáveis por 60 por cento das neoplasias, mas é importante um estudo fundamentado que confirme isso definitivamente”, comenta Vítor Veloso, especialista no Instituto Português de Oncologia e presidente da Liga Portuguesa Contra o Cancro. Segundo espera, os dados funcionam para sensibilizar a população mas, mais importante, “devem servir para ajudar os responsáveis pela saúde a tomar decisões políticas e definir estratégias de prevenção do cancro”.

11 Comments:

Pois, posto assim numa listazinha tão pequenina parece muito fácil, e se calhar até é, basta talvez uma pessoa disciplinar-se, mesmo assim acho que hoje em dia já nos preocupamos e estamos mais alertados para tudo isto.

Complicado mesmo para mim será o 3º ponto...

Bjcs

10/11/09 11:53  

Precisas largar esse maldito vício, Mimas...

10/11/09 11:55  

Pois...eu sei que tem coisas que fazem muito mal e uma delas é o mesmo que a Mimas mas...confronto-me com pessoas que fazem uma vida saudavel,não fumam, não bebem, fazem dietas, etc...e o bicho tb vai ter com elas. E quando não é o bicho é um AVC ou um ataque cardiaco. É isso que não entendo e depois tudo o que comemos sabemos que está contaminado :( nem todos têm condições de comprar comida biológica. Eu como carne vermelha, não faço dieta, agora faço exercicio e olha...seja o que Deus quiser!
Beijinhos

PS alguma de vós faz algo de especial para a saúde???

10/11/09 12:47  

Pois estas dicas são para todas as pessoas. O que, como diz a Lina, não evita a 100% tendo em conta que quase tudo o que comemos, respiramos, etc,etc, está contaminado.
Mas para tudo há que equilibrar a balança. Ou seja, se comermos de tudo um pouco, e, pronto, tá bem, se bebermos apenas um copito, sem quantidades exageradas, conseguimos ter boas probabilidades de incluir na nossa dieta todas as camadas da Roda dos Alimentos. E, sobretudo, comidinha bem portuguesa para uma saudável alimentação Mediterrânica!

10/11/09 14:09  

Tudo é bem verdade. Eu fazia tudo como devia ser e nem assim me safei dessa.
Já tinha que ser.......fosse qual fosse a dieta ou os cuidados que tomasse.
Agora continuo a fazer tudo como fazia e certamente por isso lá vou continuando fixe.
Beijocas sua invejosa do meu SPA.

Vou dar banho ao cão

10/11/09 14:18  

Não percebo;

Quase não como açúcar.

limito o consumo de carne vermelha, só as como ás refeições principais.

Bebo pouquissimo alcool,

Não como, mas bebo, 5 proções de fruta por dia, ponho tudo no liquidificador.

E faço mais do que 30 minutos de exercício por dia, apanho a roupa, vou ao correio, passeio matilda...

E ainda assim....estou gorda e tenho cancro.

è tudo tretas...

Estou a reinar.
Bjs.

10/11/09 16:51  

Subscrevo o que a GIGi diz.
Quanto a tabaco ... estou a caminho.

Beijinhos

10/11/09 19:32  

Estou enganada ou a moça que aparece na publicidade da vodafone, grávida, é a Carla, do Bichinho faz de conta???? Senão é gémea ...

10/11/09 21:50  

Bandaaaaaaa num é ihihiihhiih mas entra num anúncio qq que nã me lembro o namorado da minha sobrinha Joana a ver se vejo qual é para dizer. Sei que ele diz tenho medo de multidões!

E Meninas hoje vi um anúncio á pressa acho que tb dum banco feito a D.Simone de Oliveira que pareceu ver vários trabalhos dela em palco e parece que vi qq coisa do Rosa, Esperança...hummmm...vi mal??? É que agora dou em ver mal e sonhar :P

beijinhos

11/11/09 00:27  

Não entendo porque pessoas regradas são apanhadas pelo bicho, enquanto outras fazem tudo o que lhes apetece e nada lhe acontece.

Vou mais pelo sistema imunitário, quando se tem baixa imunidade provocada por agentes\ externos, stress, traumas, etc.

Continuo a acreditar que o stress e traumas são os principais causadores do aparecimento do bicho. Apesar de todos sofrermos de stress e traumas, há pessoas que têm capacidade de ultrapassar melhor certas e determinadas situações.

Valha-nos a lição que o cancro nos deu, valorizar apenas o essencial.

Uma beijoka pa ti!

11/11/09 11:40  

Olá
Imel concordo contigo!
Como sabemos todos nós temos células malignas que estão como adormecidas mas chega um dia e falo por mim, que estamos mais fracas no meu caso psicológicamente não estava bem, acabei por perder peso com isso fiquei mais fraca e elas lembraram-se de acordar e mutiplicarem-se e pronto formou-se o desgraçado!
É assim que vejo o meu caso.
Beijokas para todos!

11/11/09 13:24  

Enviar um comentário

<< Home