É só mais um bocadinho!

sábado, março 21, 2009

Começou a Primavera... ou... Nós e o Mar...

...Ou outra coisa qualquer...

Hoje, fomos fazer filmagens para a praia e fomos convidados para uma festa na Benedita. E podia ficar por aqui porque já contei, em resumo, o nosso dia. Mas hoje, apetece-me dizer muitas coisas, por isso o post vai ser longo.

Apetece-me falar desta festa onde estivemos a divulgar a nossa peça. Um dos nossos patrocinadores alargou o seu negócio e ofereceu um almoço a quem... aparecesse. Convidou-nos e alterámos o nosso plano para aceitarmos o seu convite que, obviamente, agradecemos. Tivemos oportunidade de divulgar o projecto à população daquela zona, estivemos com o vice-Presidente da Câmara de Rio Maior e alguns vereadores, o Presidente da Câmara de Alcobaça e enfim, muita gente que marca a vida destas localidades. Foi uma excelente oportunidade de darmos a cara junto das pessoas da zona onde vamos actuar.

No meio desta tarefa, da broa, dos 4 ou 5 porcos a assar, do caldo verde e da fruta, veio ter connosco uma senhora a quem entregaramos um postal da nossa peça, e nos veio dizer que também ela tivera cancro de mama há 5 anos, também ela era uma Guerreira (palavras suas). Estamos a falar de uma senhora do campo, provavelmente sem instrução, com aparência simples. Tem 68 anos. Contou-nos que chorou no dia em que lhe caiu o cabelo. Só nesse dia.

E ela, humildemente, mostrou-nos porque andamos a fazer isto. Ela validou o nosso projecto.

Depois, fomos para a praia. Tivemos nas últimas 3 ou 4 semanas um tempo de quase-verão. Pois! Já acabou! Rapámos um frio que só visto... Molhámos os pézinhos em água gelada e lá tentámos dar o ar feliz e sereno de um fim de tarde no Verão... Pena o ar de chuva...! Tivemos que ir tomar uma bebidinha quente no fim para aquecer e ver e rever as fotos de uma tarde de malucos.

Quando vinha para o carro já com os lábios roxos, os pés cheios de areia e as calças ainda molhadas do "vamos agora caminhar à beira da água com ar descontraído e feliz, suas múmias paralíticas", pensei em tudo o que já fizemos juntos... 7 mulheres que não se conheciam, 2 dos maridos, fotógrafos, assistentes de produção e de encenação, figurantes, ok, ok, uma médica/enfermeira... Tudo gente que, de forma generosa, tem dado de si e do seu tempo em prol de um projecto. Pessoas que agora passam os fins de semana juntas a trabalhar e, principalmente, a darem o seu melhor e a tentar ultrapassá-lo. Pessoas amigas do peito. Já fizemos tanto!

Não, não me esqueci. Last, but not least, hoje, muito excepcionalmente, vou falar do Comandante. Já não estranhamos quando aparece uma maluquice nova que estas tarantas (as tais múmias paralíticas) têm que realizar. E não estranhamos porquê?! Porque já nos habituámos a olhar para ele como o sonhador que, passo a passo, vai concretizando os sonhos e vai dando-lhes forma. E que pára, com o olhar perdido, fica calado e inventa mais uma. E que tem que aguentar com as nossas dúvidas, com as nossas diferenças, com as nossas incertezas, com as nossas zangas e passa a vida a dizer: Isto vai ficar para a vossa vida. Esta experiência já valeu todo o sacrifício que fazem... blá blá blá... E sabe que mais? Tem razão!

E depois disto tudo, não restam dúvidas: Eu gosto de vocês e agora, que se aproxima a estreia (estou ansiosa que chegue o dia), admito que me rendi e sei que isto é um momento único na minha vida. Este exercício permanente de fazer nascer alguma coisa do nada, de ousar sonhar com algo mais alto, de fazer aquilo para que não se tem aptidão nenhuma, de poder conhecer pessoas magníficas e generosas, de poder estarmos perto umas das outras e desenvolver esta amizade no limite dos nossos nervos, tudo isto já valeu mesmo a pena. E ainda é só o início, porque parece que o melhor... ainda está para vir...!

16 Comments:

Clic...Clic...Clic....Clic....Clic...Clic...Clic...Clic....Clic...Clic...Clic...!!!
" Foi ontem, Comandante! Foi ontem que se deu o clique"
clic...clic...clic...clic...clic...Obrigado Nela, Obrigado Meninas!!
Cansado... MAS MUITO MUITO FELIZ!!!

21/3/09 21:09  

Só posso dizer que estive o dia todo fora de mim!!!!!

É um sofrimento (mas mesmo sofrimento) faltar a um encontro... sinto-me como se perdesse tudo e já não houvesse retorno.
E para ser o mais sincera que posso tenho que confessar que estou com uma inveja terrivel dessa foto! E orgulhosa de vocês, muito orgulhosa.

Sobre o Comandante não me vou pronunciar, tudo o que tu percebeste nele agora eu percebi desde a 1ª ou 2ª vez - no máximo - em que o vi. Aquele anafado insuportável!

Bjokas grandes

21/3/09 21:13  

É, Gosma, tens razão. Já percebi que ele é anafado e insuportável...

21/3/09 21:15  

Maria Manuela, este teu texto tem muito que se lhe diga.
Como tal vou estar caladinha para não dizer nenhuma asneira.
Adorei, adorei e ainda mais, adorei.
Só faltou mesmo o sol para eu mandar um mergulho.
Jocas.

21/3/09 21:57  

Pois é Nela, já devias saber que essas praias têm magia e que nos fazem aflorar as emoções e os sentimentos mais bem escondidos ...
Ali, não nos podemos permitir ignorar a verdade que, ás vezes,teimosammente tentamos aligeirar ...
Ali, um turbilhão de luz envolve-nos e devolve-nos a consciência daquilo que realmente somos.
Ainda bem que lá estiveste. E, de certeza, sempre bem acompanhada...
Estou orgulhosa de ti, minha Amiga!

21/3/09 21:59  

Eheheheh
Eu estou a ter uma lição.......
Manuela

21/3/09 22:19  

Beijinhos a todas :))

22/3/09 00:58  

Adorei o que escreveste, Nelinha. Senti cada palavra. Adoro-vos e adoro este projecto :) Cristininha, estiveste no nosso pensamento como sabemos que estivemos no teu. Sabes, hoje o comandante dizia uma coisa que de verdadeira nada tinha. Começava assim: 'quando vocês se virem livres de mim'... Que enganado está! Ele é que nunca mais se vai ver livre de nós. Isto é como os casamentos. É pra toda a vida! Quis-nos, agora vai ter que nos aturar, ihihih! Não sei como vai ser depois... vai sempre faltar-me algo quando isto terminar. Beijo nhonhinhas a todos*

22/3/09 03:43  

Carla!!!??? Outra vez a dar-lhe no tintol!!! começa a ser um problema grave!!! Em que mundo é que vive??? desde quando os casamentos são para toda a vida??? Olhe que eu estou farto de fazer divorcios...
Hehehe beijo.
RG

22/3/09 10:05  

Estão lindas como sempre...

Maria os pés na agua fria como conseguiste!!!!!


Parecem ás pombas da PAZ

BJFS

22/3/09 13:28  

Eu diria antes- onde estiverem a magia acontece - seja numa praia, seja num palco, seja...simplesmente à volta de uma mesa.
E eu tenho muito orgulho de poder fazer parte deste grupo de Amigas espectaculares...também fui tocada pela "varinha" e a agora...estou sempre presente - mesmo que só apenas com o pensamento.
Bjs

22/3/09 15:24  

Lindas! Magníficas! e que inveja, de não poder estar aí!...
Cabelos ao vento, descontracção,um ar de felicidade, é que se lê nas voças caras...
Tenho enorme orgulho em vos ter conhecido, adoro-vos, beijinhos a todas.
Isabel

22/3/09 20:46  

Nela,
Senti tudo,tudinho aquilo que escreves-te!
Que saudades vamos ter ainda destes tempo...
Estava muito frio na praia, a areia gelada, mas valeu a pena!!!
Beijinhos para todas.

22/3/09 21:16  

*****

Eu não sei, não sei dizer
Mas de repente esta alegria em mim,l
Alegria de viver
E de ver tanto mar, tanto azul!
Quem jamais poderia supor
Que de um mundo que era tão triste e sem cor
Brotariam estas flores inocentes
Chegaria este amor de repente
E o que era um vazio sem fim...
se encheria de cores assim!

Adaptei de Vinicius, o poeta que sempre cantou as mulheres vencedoras.
laura

23/3/09 08:00  

Adorei este texto e que orgulhosa estou de vos conhecer.

Beijos grandes.

23/3/09 12:34  

...

23/3/09 13:14  

Enviar um comentário

<< Home