É só mais um bocadinho!

sexta-feira, outubro 31, 2008

A história delas... A história minha...














Na história delas, há um provérbio que misteriosamente não se aplica: quem vai ao mar, perde o lugar. Já lhes passaram por cima muitas marés, muitas tempestades e muitas calmarias, mas o lugar não se perdeu. Será por ser livre? Ou será por não ser real?


quinta-feira, outubro 30, 2008

Namastê


Por favor, consultem este espaço: http://www.sernamaste.blogspot.com/

Nos dias que correm, com todo o stress, tensões e ansiedade gerados pela nossa vida profissional e familiar, é bom encontrar um espaço como o Namastê, um centro que oferece a quem o frequenta actividades que visam o bem-estar físico e mental.

Teremos o maior prazer em recebê-lo.

Vai ver que também vai gostar de nos visitar!

Yoga

Reflexologia

Reiki

Tarot

Astrologia

quarta-feira, outubro 29, 2008

Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama

Amanhã, dia 30 de Outubro, comemora-se o Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama.

Assim, a Associação de Mulheres Mastectomizadas ' AME e VIVA a VIDA ' vai promover nesse dia uma acção de sensibilização alertando as todas mulheres para prática do auto-exame, realização de mamografias e consultas médicas periódicas, distribuindo nas 18 capitais de Distrito folhetos alusivos à doença.

Para simbolizar esse alerta convidamos todas as mulheres a vestir, no dia 30, uma peça cor-de-rosa no seu vestuário - DIA da MULHER ROSA - vamos colorir Portugal de Cor-de-Rosa.

Esta acção vai ajudar as mulheres na luta contra o cancro da mama e elege dois lemas:

- ' Saiba o que lhe vai no peito'
- ' Vamos acabar com o tabu do Cancro'

terça-feira, outubro 28, 2008

A mãe do meu mano Zé (e sogra da minha amiga Paula) partiu ontem para uma nova viagem. Sabemos que eles, e o resto da família, têm mais uma luzinha a acompanhá-los e a protegê-los.

Beijinhos aos filhos, filhas, cunhados, cunhadas, netos e netas.

Até um dia.

domingo, outubro 26, 2008

Stand Up to Cancer


Ontem vi, na SicMulher, um show que angariou fundos para a investigação sobre o cancro. Mais do que isso, a ideia é agregar esforços, juntar recursos, levar os investigadores a pouparem tempo partilhando conhecimentos e descobertas. Porque pode atingir todos, faz sentido que conte com o empenho de todos.

O evento, com uma hora de duração e sem intervalos comerciais, vai unir mais de 50 personalidades da televisão, cinema, esportes e música. Nos Estados Unidos, ele será transmitido pelos canais NBC, ABC e CBS.Entre as estrelas já confirmadas no especial estão Jennifer Aniston, Scarlett Johansson, Meryl Streep, David Cook, Christina Applegate, Lance Armstrong, Jack Black, Kirsten Dunst, Charles Barkley, America Ferrera, Halle Berry, Hilary Swank, Forrest Whitaker, Jimmy Fallon e Keanu Reeves.

Além de darem dicas importantes sobre a prevenção do cancro, estas estrelas irão atender telefonemas de doação dos telespectadores americanos.

O evento também terá as apresentações de grandes astros da música como Mariah Carey, Beyonce, Mary J. Blige, Rihanna, Fergie, Sheryl Crow, Miley Cyrus, Melissa Etheridge, Ashanti, Natasha Bedingfield, Keyshia Cole, Ciara, Leona Lewis, LeAnn Rimes e Carrie Underwood.

quinta-feira, outubro 23, 2008


O É só mais um bocadinho! foi distinguido com este prémio pelo Platero. Um muito obrigada por este reconhecimento.

As regras do prémio Dardos são as seguintes:

Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à Web.

Quem recebe o “Prémio Dardos” e o aceita deve seguir algumas regras:

1. - Exibir a distinta imagem;
2. - Linkar o blog pelo qual recebeu o prémio;
3. - Escolher quinze (15) outros blogs a quem entregar o Prémio Dardos.

Aqui vão eles, sem nenhuma ordem especial (e ficam a faltar muitos...):

http://oclubedasmongas.blogspot.com/
http://www.superglamorosas.blogspot.com/
http://bichinhofazdeconta.blogs.sapo.pt/
http://aida-guimaraes.blogspot.com/
http://umaluznaescuridao.blogs.sapo.pt/
http://loulououicestmoi.blogspot.com/
http://viveroutravez.blogspot.com/
http://quimio-gigi.blogspot.com/
http://aternuradosque.blogspot.com/
http://imel-almamater.blogspot.com/
http://cinda1960.blogspot.com/
http://aimportanciadenaoserimportante.blogspot.com/
http://clac-amigascoracao.blogspot.com/
http://dinh1nh4.blogspot.com/
http://retratoiluminado.blogspot.com/

quarta-feira, outubro 22, 2008

Post retirado do blog da Cinda

"Porquê a mentira?

Existem coisas que acontecem, as quais nunca pensamos ser possível alguém poder fazer ou pensar.Esta frase é só uma pequena introdução à história que vos quero contar. HÁ uns meses atrás, fui abordada por um amigo. Pediu-me que o contactasse, pois poderia ser que eu ajudasse a sua companheira. Esta abordagem, foi feita após ter lido o meu blog. Eu como sempre, tipo INEM, lá fui saber do que realmente se tratava.O meu amigo e a companheira receberam-me na sua casa, e qual o meu espanto, quando me diz que ela tinha leucemia crónica. Fiquei de imediato disponível para a ajudar, até porque, segundo eles, os pais não eram favoráveis àquela união, por causa da diferença de idades entre eles ser muito grande.Desde aí, passei a frequentar a casa, no intuito de ajudar e até de a acompanhar às consultas que dizia fazer.Nunca pus em causa a doença, até porque me foi transmitida por ambos. A sua forma de estar e tudo o mais assim o indicava. Não estava a trabalhar, o que para mim era normal, sentia-se cansada, triste e com pouca vontade de dar a volta a toda a situação.Com o passar dos dias, e como já tínhamos mais confiança, propus a vinda dela para o Hospital de S. Sebastião, uma vez que eu estava a ser seguida por lá e era mais fácil em todos os sentidos.Os dias e as "consultas" seguiam-se e nunca havia possibilidade de eu estar presente, por isto ou por aquilo, ou porque o pai a acompanhava. Quanto a isso nada tinha a interpor.Uma das vezes que tive de me deslocar ao hospital, até cheguei a perguntar qual a possibilidade de admitir mais um doente, o que me foi logo facilitado sem qualquer objecção.O tempo foi-se passando e ia-me transmitindo que o seu estado estava cada vez pior e que o companheiro não a ajudava, sentindo-se cada vez mais só, chegando a propor-me que, se alguma vez eu fosse questionada por ele que não lhe respondesse.Não achei lá muito correcto, mas quem sou eu para me interpor entre casal? Até porque me dizia sempre que o "pai" a acompanhava, o que eu achava muito louvável.O tempo foi passando, os contactos presenciais foram escasseando assim como o contacto telefónico, era apenas por SMS.Na passada terça-feira o bomba explodiu.A companheira do meu amigo, não tem doença nenhuma do foro oncológico, aproveitou -se sim, com essa mentira, para extorquir dinheiro a algumas pessoas, alegando que tinha de fazer pagamentos e que seriam restituídos após finalizar um "negócio" que nunca existiu, acabando por enganar tudo e todos.Não sei porque vos conto tudo isto!!! Sei apenas que fiquei demasiado magoada, porque não se brinca com uma doença tão grave, quando há pessoas que estão a lutar agarradas à vida para combater o "BICHO".Eu lutei e continuo a lutar para estar viva. Como pode ser possível alguém fazer uma coisa destas!!!Minhas Amigas/os, não nos deixemos enganar, porque estas pessoas são doentes sim, mas da mentira (Pseudolalia)."

Não são precisos comentários... É preciso cuidado!

"Quando a gente pensa que sabe todas as respostas, vem a vida e muda todas as perguntas." - Arnaldo Jabor

terça-feira, outubro 21, 2008

Coisas que me fazem ter muita fé na Humanidade...


Uma mesa-redonda celebrou a 10 de Outubro passado, na sede da UNESCO, o 40º aniversário de fundação da cidade de Auroville, na Índia.


Auroville, também conhecida como "A Cidade do Amanhecer" ou"Cidade da Aurora", é uma povoação internacional perto de Pondicherry, no sul da Índia, construída com o propósito de realizar a unidade humana na diversidade. Conta atualmente com cerca de 2 mil pessoas, um terço das quais indianas e as demais originárias de 35 países do mundo todo.


Concebida como lugar destinado à vida comunitária universal, onde homens e mulheres aprendem a viver em paz, acima de credos, políticas e nacionalidades, a cidade foi fundada em 28 de fevereiro de 1968 por Mirra Alfasse, mais conhecida como “A Mãe” e companheira espiritual do filósofo Sri Aurobindo. Os planos para a construção da cidade foram orientados pelo arquitecto francês Roger Anger. No dia de sua inauguração, representantes dos 124 países que acompanhavam o então presidente da Índia depositaram mostras de solo de seus países de origem em uma urna, como símbolo da fraternidade universal.


Carta Constitucional de Auroville:


1. Auroville não pertence a ninguém em particular. Auroville pertence à humanidade como um todo. Mas para viver em Auroville é necessário ser o servidor voluntário da Consciência Divina.

2. Auroville será o lugar de uma educação sem fim, de um progresso constante e de uma juventude que nunca envelhece.

3. Auroville quer ser a ponte entre o passado e o futuro. Aproveitando todas as descobertas interiores e exteriores, Auroville dará um salto decisivo em direção a realizações futuras

4. Auroville será um lugar de pesquisas materiais e espirituais para uma manifestação concreta e viva de uma Unidade Humana real.

segunda-feira, outubro 20, 2008

Vamos contribuir?

A minha amiga Jen trabalha numa escola para jovens "difíceis". Um rapaz (também difícil), que lá anda, está a tentar perder peso e fizeram-lhe um programa de emagrecimento que inclui uns bons quilómetros num bicicleta estática (a obesidade mórbida é uma realidade muito marcante nos EUA).
Para o incentivarem, resolveram arranjar um quadro e afixarem postais de diversos locais do mundo, como se tivesse chegado a esses lugares à conta dos quilómetros que fez.

Ora, daqui até lá são umas boas "miles" e, por isso, talvez ele pedale mais.

Se quiserem contribuir, enviem um postal de Portugal para:
BSP
c/o Jennifer Schaeffer
"Travis"
340 North 56th Street
Lincoln, NE 68504 USA

Fazemos um "puto" feliz e isso é bué da fixe...


sexta-feira, outubro 17, 2008

Criar um Mundo sem Pobreza




Muhammad Yunus - Prémio Nobel da Paz.

E se pudéssemos canalizar todo o poder do mercado livre para resolver problemas como a pobreza, a fome e a desigualdade? Para alguns, parecerá impossível. Mas é exactamente isso que está a fazer Muhammad Yunus. Yunus foi pioneiro do microcrédito, o programa financeiro inovador que concede aos pobres – sobretudo às mulheres – pequenos empréstimos que depois utilizam para lançar negócios e tirar as suas famílias da pobreza.
Agora, em Criar um Mundo sem Pobreza, Yunus vai além do microcrédito, lançando a ideia do negócio social – uma fórmula completamente nova, que visa utilizar a vibrante criatividade empresarial para atacar problemas sociais – da pobreza e da poluição aos cuidados médicos inexistentes e à falta de ensino. Este livro descreve como Yunus – em parceria com alguns líderes empresariais mundiais – lançou os primeiros negócios exclusivamente sociais do mundo. Desde a colaboração com a Danone para produzir iogurtes nutritivos e a preços acessíveis para as crianças subnutridas do Bangladesh, à construção de hospitais oftalmológicos que irão salvar milhares de pessoas pobres da cegueira, Criar um Mundo sem Pobreza dá-nos a visão do extraordinário futuro previsto por Yunus para um planeta transformado por milhares de negócios sociais.

quinta-feira, outubro 16, 2008

Ontem e Hoje


Ontem a Laurinha, hoje a Imel... Uma é a cota mais charmosa do Norte (e com olho azul); a outra é a mais gira da linha de Sintra... Raios as partam! Os anos não lhes fazem mossa nenhuma; estão sempre com um sorriso que encanta (e não têm placa...!) e, não sei porquê, toda a gente gosta delas... PARVAS!!!

Muitos parabéns! Muitos beijinhos! Um dia muito feliz e muiiiiiiiiita saúde. Desejo-vos uma excelente vida!

terça-feira, outubro 14, 2008

Gigi


Falei com a Gigi. Ela irá fazer um post com os pormenores, mal o gregório a deixe em paz. Entretanto, digo-vos que está em casa desde sábado, com uma ressaca ranhosa, mas que já começa a desaparecer.

Teve uma notícia também ranhosa, mas que já está mais digerida e já passou para trás das costas porque o caminho é para a frente: o desgraçado do linfoma está a aproveitar todos os intervalos e voltou a atacar. O passo seguinte, que é a recolha das células com vista ao transplante, mantém o calendário ou até poderá ser antecipado, dependendo de umas análises.

Este revés poderá implicar fazer tratamentos de radioterapia.
Já sabem como é a Gigi... Ficou caladinha a moer e digerir esta notícia durante quase uma semana (soube antes do tratamento), mas agora achei-a bem, com força e arrebitada. É muito corajosa o raio da cachopa...!

O que é que nós podemos dizer: VAI-TE A ELE, GIGI!!! RANHOSO!!!
Muitos beijinhos, ganda Gigi, Jota, Alexandra, Zélia, Matilda e restante família.

Alecrim! Alecrim aos molhos...


Um estudo da Universidade de São Paulo, no Brasil, conclui que o alecrim tem um efeito benéfico no combate aos radicais livres presentes em várias doenças, segundo dados noticiados pela revista Época.
Este estudo pioneiro conclui a existência de um efeito positivo do alecrim no combate a doenças como a diabetes, o cancro, a insuficiência renal entre outras maleitas.
Para elaborar este estudo, a nutricionista Ana Mara de Oliveira e Silva, da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo, escolheu o uso de ratos diabéticos, que tratou durante 60 dias com doses regulares de uma solução aquosa de alecrim. O objectivo passou por testar a influência do alecrim em organismos animais com problemas atribuídos à presença de «oxidantes», vulgarmente conhecidos como radicais livres. Os «oxidantes» são responsáveis por lesões em células, que em alguns casos podem causar a sua morte.
A quantidade ideal de alecrim para um ser humano com cerca de 80 quilos é de quatro gramas de alecrim (50mg por cada quilo corporal).
O segredo do alecrim está nos ácidos fenólicos presentes na sua folha, uma substância anti-oxidante pertencente ao grupo dos compostos fenólicos, também presentes em especiarias como a erva-doce, os orégãos ou a noz-moscada.
No entanto é preciso ter cuidado com o uso excessivo de alecrim, pois segundo a autora deste estudo, «O consumo excessivo de um antioxidante pode ter efeito tóxico. O corpo reage como se fosse uma droga», refere, citada pela revista.
PortugalDiário online

domingo, outubro 12, 2008

Apelo


Assinem a petição www.cervicalcancerpetition.eu para que o cancro do colo do útero venha a ser discutido no Parlamento Europeu, de modo a que os rastreios sejam uma realidade em todos os países, nomeadamente em Portugal.
(enviado por Isabel Alegria)

sexta-feira, outubro 10, 2008

Dia Mundial dos Cuidados Paliativos


Lisboa, 10 Out (Lusa) - Quase metade dos portugueses (47 por cento) afirma desconhecer o que são cuidados paliativos, para minimizar os efeitos de doenças prolongadas e incuráveis, e os que dizem saber referem-se a conceitos errados, revela um estudo divulgado hoje.
"É preocupante este nível de desinformação, ainda mais tratando-se de um direito humano e de cuidados de saúde que visam intervir e prevenir o sofrimento. Ninguém pode reclamar um direito se não sabe que ele existe", disse à Lusa Isabel Neto, presidente da Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos (APCP).
Segundo o estudo, dos 38 por cento que afirmam saber (15 por cento revelaram ter "uma ideia"), a grande maioria referiu-se a conceitos que não correspondem à verdade, como "pessoas internadas em cuidados intensivos", "cuidados a idosos" ou "cuidados a pessoas acamadas".
"É indigno ainda hoje as pessoas terem sofrimento no final das suas vidas e relembro que este final pode corresponder a um período de semanas, meses ou anos. Ao contrário do que muitos portugueses pensam, os cuidados paliativos servem para muito mais do que os últimos dias de vida", acrescentou a responsável.
Os cuidados paliativos definem-se como uma resposta activa aos problemas decorrentes da doença prolongada, incurável e progressiva, na tentativa de prevenir o sofrimento que ela gera e de proporcionar a máxima qualidade de vida possível a estes doentes e às suas famílias.
Mais de metade dos inquiridos (52 por cento) pensa que existem cuidados paliativos em um ou dois hospitais públicos e 61 por cento acha que deveriam existir cuidados paliativos em todos os hospitais públicos.
Isabel Neto sublinha que a "desinformação continua", já que existem 15 unidades credenciadas e treinadas. No entanto, reconhece que esse número é "escasso", já que cobre apenas cerca de 10 por cento das necessidades de cuidados paliativos.
Quando confrontados com exemplos práticos de pessoas com necessidades paliativas, em média, 60 a 65 por cento dos entrevistados consideram que esses casos justificariam cuidados paliativos por parte do Estado. No entanto, ainda há cerca de dez por cento de pessoas que afirmam que "já não há nada a fazer".
"Isto é grave, na medida em que reproduz uma crença de que a medicina só serve para curar. Não é assim. Quando não há nada a fazer para curar, há imensas intervenções técnicas para proporcionar conforto, qualidade de vida e dignidade", afirmou a presidente da APCP, sublinhando que os cuidados paliativos "são hoje uma especialidade médica, com cuidados técnicos especializados e diferenciados de alto investimento".
Mais de metade dos inquiridos acha que faria sentido investir em cuidados paliativos em todos os locais: hospitais, instituições próprias para o efeito e domicílio). Por outro lado, 31 por cento considera igualmente insuficientes os meios de apoio ao nível dos cuidados prestados aos doentes em fase terminal.
Vinte e um por cento dos portugueses acha que o local onde faria mais sentido investir em cuidados paliativos seria no domicílio. Aquela percentagem aumenta consideravelmente entre os inquiridos que têm ou tiveram proximidade com pessoas com necessidades paliativas.
Segundo Isabel Neto, que é também directora da unidade de cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa, a ideia de promover este estudo surgiu da necessidade de alertar a sociedade para a desinformação entre os portugueses sobre o que são cuidados paliativos.
"É uma questão de cidadania e responsabilidade cívica", acrescentou.
O estudo foi realizado através de 606 entrevista telefónicas a pessoas com mais de 18 anos residentes em Portugal Continental. O processo de amostragem utilizado foi por quotas segundo sexo, idade e região do entrevistado definidas com base no perfil da População.
O Dia Mundial dos Cuidados Paliativos assinala-se sábado.

quinta-feira, outubro 09, 2008

Sem comentários!










terça-feira, outubro 07, 2008

Partida


A mãe da minha amiga Nicha partiu hoje serenamente, após muitos dias de intenso sofrimento. Que tenha agora o descanso que precisa.


Dia Mundial da Limpeza de Pele


A Gosma mandou-me lavar a cara ao blog... aquelas parvoíces a que ela nos acostumou... Como não tenho nenhum tema especial para abordar (não sou nenhuma máquina de encher chouriços a pedido!), resolvi fazer uma coisa em grande de... coisa nenhuma. E, num pequeno parêntesis, devo acrescentar que isto é próprio de uma pessoa também ela grande: fazer coisas importantes de coisas sem importância nenhuma (parece o título do blog da outra...).

Então, resolvi instituir o Dia Mundial da Limpeza de Pele. Eu sei que essa coisa dos dias Mundiais é exclusivo da ONU... Era! Agora passou a ser meu também.

Portanto, aconselho-vos a dedicarem meia hora à vossa fuça, fazendo uma limpeza profunda, uma exfoliação e a aplicação de uma máscara, seguida de vinte minutos esticada no sofá, com uma música relaxante e um incenso suave. Tudo isto termina com um grito de horror no meio do corredor dado por quem co-habita connosco e foi apanhado de surpresa por aquela visão dantesca duma gaja cheia de lama na tromba, só com os olhos de fora e uma boquita mínima insufiente para dar um gemido (hum hum - que se traduz por: Estúpidos! Não se vê que não posso falar?!).

No fim, retira-se aquela porcaria toda com água tépida, aplica-se um tónico suave e finaliza-se com um bom creme hidratante.

Claro que são inaceitáveis comentários como:

- Se isso era pa ficares bonita, atão proque nã ficas?

ou mesmo

- Ah, querida, ainda bem que voltaste. Temos um monstro cá em casa...

Completamente inapropriado!


A pele é o nosso maior órgão, uma barreira fina e impermeável, que nos protege dos raios UV, da poluição e das mudanças climáticas. Ela também elimina toxinas, regula a temperatura do corpo e distribui oxigénio e nutrientes. Por isto, cuidar dela correctamente é fundamental.

Para começar qualquer tratamento facial mais profundo, ou manter a pele limpa e hidratada, o primeiro passo é a limpeza de pele! O resultado imediato deste procedimento é uma pele com cor mais clara e homogénea e uma textura mais fina e macia.

A limpeza de pele é o primeiro passo para a manutenção e restabelecimento da beleza, luminosidade e maciez da cútis. Deve ser feita com regularidade para que a face permaneça sempre limpa e viçosa, com aspecto de pele mais jovem
A limpeza de pele pode ser feita em qualquer pessoa desde que não haja nenhuma restrição médica, e, em qualquer tipo de pele.

domingo, outubro 05, 2008

Weekend!

Desta vez, e só desta vez, o weekend vai começar à sexta... E porquê, perguntarão vocês? Porque sim! O blog é meu e eu faço o que me apetecer... Assim, tenho a reportar que, na sexta-feira passada, fui almoçar com a Isalenca. Eu não sei como ela enrola o patrão (atenção, estou a usar a expressão em sentido figurado. A Isalenca é uma mulher séria...), mas a verdade é que ela foi almoçar e com a tarde toda livre... Andou a bater as várias capelinhas. Depois, foi tomar café com a Mimas... Devia estar constipada, logo não podia ir trabalhar para não contaminar os colegas... Não é, Carlinha?!

Bom, não vos vou contar o almoço, excepto que comi iscas com legumes e a Isalenca comeu bacalhau. Eu bebi água, claro e ela nem tanto... Foi conversa e mais conversa. O mundo faz-se muito pequenino quando as amigas se encontram! Até parece que nos conhecemos desde a primária.

Depois, e já no weekend propriamente dito, a coisa não acabou. Rumámos à nossa casota, mas resolvemos fazer um desvio e ir a uma capelinha nossa (e vossa) conhecida, deixar umas velas a brilhar e enviar luz para umas amigas que estão a fazer tratamentos. E já que estávamos por ali, que tal ir dar uma beijoca a outras malucas: Tila, Marilu e Gi (essa não é maluca... é só barriguda). Saiu-nos o pacote melhor do que a encomenda. Acabámos no cine-teatro Casimiros (futuro Teatro do Cão) a festejar com cerveja às 11h da manhã e a trabalhar que nem umas mouras para aquilo ter minimamente ar de teatro... Estava lá também o produtor/encenador/sonhador/Rui e já deu para sentir o gosto do palco: é um gosto a pó velho, mofo e ferrugem... Não vejo grande futuro naquilo! A única coisa que funciona é o bar! O que é que isto vos diz sobre o grupo?

Bom, mas a nossa vida não é isto e lá fomos nós fazer as sementeiras de Outono. Sim, porque nós somos agricultores! A coisa já está na terra e agora é só aguardar. Julgam que é fácil? Só vos digo que, antes das 10 da noite, já estávamos a cair de sono. Víamos um filme que a Gosma me deu (O Bom Rebelde), mas adormeci tantas vezes que tive que desistir com medo de perder as lentes dentro dos olhos...

De volta a casa, aguardo pacientemente pela semana de trabalho que isto de weekend é bué cansativo...




quinta-feira, outubro 02, 2008

UFF...! Está tudo bem...

... é sempre a frase mais desejada! Até daqui a seis meses... Hoje foi dia de consulta no IPO - continua a ser semestral. Está tudo bem, a saber: Sem evidências de recidiva local ou ganglionar. Foi o que ficou escrito na ficha que eu mirosquei...
Entretanto, estava eu a subir as escadas do Pavilhão Central quando uma senhora, com um aspecto muito simpático, se dirigiu a mim dizendo: Desculpe, pode parecer-lhe um disparate, mas posso fazer-lhe uma pergunta. Claro! O seu nome é Manuela? Sim. Conheci a sua cara do blog... Aí ficámos a conversar durante um bom bocado. A Helena, assim se chama, é super simpática, felizmente não é doente oncológica e conhece-nos. Mandou beijinhos para todas, especialmente para a Gigi e a Aidinha. Nunca fez comentário por achar que não se deve meter, uma vez que não é do grupo.
O que é que vocês acham? Claro que se deve meter, certo? Estas pessoas, que estão aqui com o coração, fazem-nos falta. Já o mesmo não se aplica a alguns penetras que já foram identificados por nós!

quarta-feira, outubro 01, 2008

Alguém chamou???

Presente!!!
Alguém precisa de uma dose extra de energia?
Bora lá, gente, o nosso hino em todos os blogs vai dar força a quem anda em tratamentos! (ideia fantástica da Querubim!)

Hoje, o dia é nosso...!


Adoro-te!